Procedimentos para a Entrada de Proprietários Estrangeiros no Uruguai

Procedimentos para a Entrada de Proprietários Estrangeiros no Uruguai
Compartilhar
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

A partir de 1º de setembro, o governo determinou que os estrangeiros que podem provar que possuem imóveis no Uruguai, com seus parentes até o segundo grau e apresentando certificados de vacinação, podem entrar no país.

Para isso, devem apresentar um certificado notarial emitido por um Notário Público autorizado em nosso país ou uma declaração sob juramento (Artigo 239 do Código Penal) comprovando que são os proprietários e detentores de ações ou quotas de pessoas jurídicas e os proprietários beneficiários de bens imóveis localizados no país.

Além disso, é solicitado um teste PCR negativo para a COVID-19, que deve ser repetido no sétimo dia de sua estadia no Uruguai. Em ambos os casos, o custo do teste deve ser pago pelo estrangeiro.

Ao entrar nos postos de fronteira, você deve chegar com um Código QR emitido pela Presidência da República.

O decreto também indica que entre os certificados a serem apresentados, também será solicitado um certificado de vacinação, seja para uma dose única ou duas doses, dependendo do tipo de laboratório que tenha dado as vacinas aprovadas em seu país de origem.

A imunização deve ter sido realizada nos últimos seis meses antes do embarque ou da chegada ao país e os respectivos períodos de espera para atingir a imunidade efetiva devem ter sido cumpridos", acrescenta o decreto.

No caso de famílias que chegam com crianças menores de 18 anos como parte do núcleo familiar que não são imunizadas, elas devem cumprir com o isolamento determinado pelo regulamento sanitário junto com sua família, conforme estabelecido pelo Regulamento Presidencial.

 

Trámite para el ingreso de extranjeros propietarios a Uruguay
Trámite para el ingreso de extranjeros propietarios a Uruguay

Ver Decreto Supremo